sexta-feira, 30 de junho de 2017

Dolphin no RetroArch

Agora sim, oficialmente o popular emulador Dolphin da Nintendo GameCube e Wii já foi anunciado como estando disponível em versão Alpha no RetroArch!


O lançamento do core é apenas para a plataforma de 64bits Windows ou Linux. Este incrível emulador há muito que era aguardada a sua chegada ao RetroArch que passa agora a ter em Dolphin o seu "mais" poderoso e recente core para emulação de sistemas e jogos.

Para os utilizadores do RetroArch em Windows ou Linux, a instalação do core pode ser feita a partir do menu Online Updater / Update Core bastando depois descarregar o core do Dolphin. 

segunda-feira, 5 de junho de 2017

Most Desired : The Villainess 2017 (Trailer de Cinema)

Ação, artes marciais, raparigonas assassinas e Made in Korea!

Este é daqueles filmes que saltam logo para o topo da minha lista a ver...

domingo, 4 de junho de 2017

Alien Covenant (2017)

Alien Covenant (2017) No filme anterior lembro-me perfeitamente de saír da sala de cinema em satisfação total e com a ideia que poderíamos ter mais filmes e sequelas sem recorrer a essa estranha forma de vida alienígena que tanto sucesso fez no cinema. Pois nada disso aconteceu com este Alien Covenant!!

Prometheus em 2012 não foi muito bem recebido e acabou incompreendido pela maioria. Talvez por isso esta sequela de Prometheus acaba por ser um "jogar em casa" regressando às origens num filme que acaba por ser também um remake do Alien original. Ou pelo menos funciona como tal podendo explicar a origem desta estranha criatura.

Há que dizer já... Alien Covenant é um bom filme muito bem ambientado com uma excelente imagem e fotografia cheia de cores e com poucos ambientes escuros como eu aprecio bastante. O elenco possui algumas estrelas que estão pouquíssimos minutos em cena, depois os restantes cientistas todos são "esquecíveis" e só mais uma vez o android David e aqui Walter (Fassbander) são a personagem que fica desta Covenant.

Há imensas referencias aos primeiros e melhores filmes da saga (Alien/Aliens), mas a sensação que se fica é uma desilusão por não haver nada de novo para não dizer que parte das melhores cenas já foram vistas "talvez" em outros tantos filmes. A partir dos primeiros trailers que vi deste Covenant às minhas expectativas baixaram muito porque foi logo visível que tinha-se perdido a ousadia e a criatividade do anterior filme. E o Sir Ridley Scott ainda tenta uma surpresa final, mas nem essa surpreende muito bem.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Popular no Blogue: